Um mês para o Enem: Informações que você precisa saber antes da prova

17/12/2020

O cartão de confirmação da inscrição está disponível na Página do Participante do Enem (enem.inep.gov.br/participante). As provas serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro para a versão manual. Nesta edição, será implementada a versão digital nos dias 31 de janeiro e 07 de fevereiro de 2021

Daqui exatamente um mês, no dia 17 de janeiro de 2021, acontece o primeiro dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2020) para mais de 5 milhões de candidatos inscritos.

As provas serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro para a versão manual. Nesta edição, será implementada a versão digital nos dias 31 de janeiro e 07 de fevereiro de 2021. As provas estavam previstas para novembro deste ano, mas foram adiadas em virtude da pandemia do novo coronavírus em todo o território nacional. O POVO separou algumas dicas de como se preparar para a reta final dessa prova e adianta: máscaras e álcool em gel serão companheiros indispensáveis.

Em um cenário de pandemia, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) retificou o edital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 e inseriu o uso obrigatório da máscara (proteção individual). Além disso, o Inep aumentou o número de salas de aplicação para evitar aglomerações e manter o distanciamento social.

O que é obrigatório levar no dia do exame?

Cartão de Confirmação da Inscrição;
Máscara de proteção contra o Covid-19;
Documento original com foto (identidade, boletim de ocorrência, CTPS ou CNH);
Caneta esferográfica fabricada em material transparente e de tinta preta;

O que PODE levar no dia do exame?

Água mineral (garrafa transparente e sem rótulo);
Lanche (alimentos básicos e evite barulho);
Mochila e bolsas (serão vistoriadas);
Aparelho de celular (ao entrar na sala, desligue o celular e tire a bateria);

O que NÃO PODE levar no dia do exame?

Lápis, borracha, fone de ouvido, régua, calculadora, caneta de outra cor e similares;
Artigos de chapelaria, relógio e óculos escuro;

Estrutura da prova

4 provas objetivas, com 45 questões cada:

Linguagens, códigos e suas tecnologias.
Ciências humanas e suas tecnologias.
Ciências da natureza e suas tecnologias.
Matemática e suas tecnologias.
1 redação, de no máximo 30 linhas:

Texto dissertativo-argumentativo desenvolvido a partir de uma situação-problema.


Novidades de 2020:

Aplicação em computador para 100 mil participantes que escolherem participar da primeira edição do Enem Digital.
Atendimentos específicos agora fazem parte do atendimento especializado.
Participantes cegos ou surdocegos poderão usar leitor de tela, desde que solicitem durante a inscrição.
Participantes lactantes que levarem o lactente e o acompanhante para a aplicação terão 60 minutos adicionais para fazer as provas, desde que solicitem atendimento especializado durante a inscrição.
Participantes autistas e surdocegos terão banca especial para correção de suas provas.
Redações escritas em braile serão corrigidas no Sistema Braile.
Carteira de Trabalho, Certificado de Reservista e Certificado de Dispensa de Incorporação não serão aceitos como documento de identificação.
Inclusão de foto no sistema de inscrição será obrigatória.
Participantes com doenças infectocontagiosas deverão entrar em contato com o Inep para comprovar a condição. Eles não poderão comparecer ao local de provas, mas terão a oportunidade de participar da reaplicação.
Participantes deverão marcar a cor do seu Caderno de Questões no Cartão-Resposta.

Na hora de escrever a Redação:

O Inep compartilhou uma cartilha com dicas para quem vai encarar a prova nacional. Se liga nas orientações para a Redação:

a - Ler com bastante atenção o tema proposto e observar a tipologia textual exigida (no caso, texto dissertativo-argumentativo);

b - Ler os textos motivadores, observando as palavras ou os fragmentos que indicam o posicionamento dos autores;

c - Identificar, em cada texto motivador, se for o caso, a tese e os argumentos apresentados pelos autores;

d - Refletir sobre o posicionamento dos autores dos textos motivadores e definir, com muita clareza, qual será o seu posicionamento;

e - Ler atentamente as instruções apresentadas após os textos motivadores;

f - Definir um projeto de texto em que seja planejada a organização estratégica da sua redação, a fim de defender o ponto de vista por você escolhido, e apresentar uma proposta de intervenção ao problema abordado.

Você poder acessar as dicas completas aqui.

Sisu continua sendo utilizado pelo Enem 2020

O Ministério da Educação (MEC) vetou o uso obrigatório das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2020) para a primeira edição do Programa Universidade Para Todos (ProUni) e do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) de 2021, porém, o Sistema de Seleção Unificado (Sisu) continua sendo utilizado pelo Enem 2020.

Veja o critério de seleção:

ProUni 2021/1: aceita a edição do Enem 2019;
Fies 2021/1: aceita a partir da edição de 2010;
SiSU 2021/1: aceita a edição de 2020;

O cartão de confirmação da inscrição está disponível na Página do Participante do Enem (enem.inep.gov.br/participante)

Fonte: O Povo Online 

Campanha contra Febre Aftosa é prorrogada até o final da semana

17/12/2020

Os criadores cearenses têm até o final desta semana para vacinar o rebanho contra Febre Aftosa. Isso porque a segunda etapa da Campanha foi prorrogada até sexta-feira, dia 19 de dezembro. A imunização é obrigatória para todos os animais com até 24 meses de idade. Segundo o último boletim sobre a vacinação foram vendidas 780.363 doses de vacina.

A meta é imunizar cerca de 950 mil bovinos e bubalinos, o que corresponde a cerca de 40% do rebanho cearense. Além do prazo da vacina, os criadores devem ficar atentos também a declaração dos animais vacinados. Com o objetivo de evitar aglomerações nos escritórios e com isso resguardar a saúde dos criadores é recomendado que a declaração seja realizada de forma virtual no Portal do Produtor. É recomendado que a declaração seja realizada de forma virtual no Portal do Produtor até o dia 05 de janeiro.


Fonte: Ceará Agora 

Mais comodidade: pagamento de faturas de celular e recarga de serviços

17/12/2020

O Banco Central (BC) informou nesta quarta-feira (16) que assinou um acordo com o Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil) para permitir que o pagamento de faturas de celular e a recarga de serviços pré-pagos móveis e fixos possa ser feita com o Pix.

“A parceria tem o objetivo de proporcionar o Pix como alternativa, melhorando a experiência de pagamento dos usuários e a gestão financeira dos recebimentos das empresas de telefonia móvel. Além disso, reforça o Pix como uma alternativa de pagamento entre a população brasileira”, informou o BC, em nota.

Segundo o órgão, a utilização do Pix para pagamento do celular será feita gradualmente, de forma autônoma, voluntária e independente pelas empresas.

Em agosto, Banco Central (BC) já havia assinado acordo semelhante com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), para também permitir o pagamento da conta de luz com o Pix.

Desde que entrou em operação, em 15 de novembro, o Pix, novo sistema brasileiro de pagamentos instantâneos, movimentou R$ 83,4 bilhões, num total de 92,5 milhões de transações, de acordo com balanço do Banco Central.


Fonte: Ceará Agora 

Presidente pede união a governadores na luta contra a covid-19

17/12/2020

 

O presidente Jair Bolsonaro disse ontem (16), em Brasília, que a solução para lidar com a pandemia passa pela união com os governos locais. A afirmação foi feita durante a cerimônia de apresentação do Plano Nacional de Operacionalização da Vacina contra a Covid-19, no Palácio do Planalto.

Dirigindo-se aos governadores presentes, Bolsonaro disse que “a grande força é a união para buscar a solução de algo que nos aflige há meses. Se algum de nós extrapolou ou até exagerou, foi no afã de buscar solução. Realmente [a pandemia] nos afligiu desde o início. Não sabíamos o que era esse vírus como ainda não sabemos em grande parte. E nós todos, irmanados, estamos na iminência de apresentar uma alternativa concreta para nos livrarmos desse mal: o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19”, disse o presidente.

“São 27 governadores com um só propósito: o bem comum e a volta à normalidade”, acrescentou.

O presidente da República destacou também o papel dos técnicos em meio aos desafios apresentados com a chegada da pandemia ao Brasil.

“Muitas pessoas trabalharam nesse objetivo [obter soluções para a situação pandêmica]. A grande maioria, anônimas. Mas foram essenciais para chegarmos nesse dia. Todos aqui têm responsabilidade na busca de solução para esse problema”, disse.

PLANO DE VACINAÇÃO

O plano está dividido em dez eixos, que incluem descrições sobre a população-alvo para a vacinação; as vacinas já adquiridas pelo governo e as que estão em processo de pesquisa; a operacionalização da imunização; o esquema logístico de distribuição das vacinas pelo país; e as estratégias de comunicação para uma campanha nacional. O documento entregue não indica data para início da vacinação.

(*) Com informações da Agência Brasil.

Fonte: Ceará Agora 

Senado aprova LDO e salário mínimo de R$ 1.088,00

17/12/2020

Logo após a Câmara dos Deputados aprovar o texto-base da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2021, em votação rápida e simbólica (sem registro de votos no painel eletrônico), a proposta foi aprovada no Senado e agora segue para sanção presidencial. A LDO define as metas e prioridades do governo para o ano seguinte, orienta a elaboração da lei orçamentária anual e fixa limites para os orçamentos dos poderes Legislativo e Judiciário e do Ministério Público.

Na proposta, consta a correção do salário mínimo para R$ 1.088 a partir de janeiro. Atualmente, o salário mínimo é de R$ 1.045. Foi feita apenas a correção com base na previsão da inflação acumulada no ano, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Não houve, portanto, aumento real. A regra que previa aumento real, o aumento acima da inflação, deixou de vigorar no ano passado.

O texto aprovado nesta quarta-feira (16) estabelece como meta fiscal no próximo ano déficit primário de R$ 247,1 bilhões. Ontem (15), o governo federal modificou o texto, enviado ao Congresso em abril, para ampliar a meta do déficit, inicialmente prevista em R$ 149,61 bilhões. A nova meta indica déficit de R$ 247,1 bilhões para o Governo Central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central) para 2021, sem considerar os juros da dívida pública.

O relator, senador Irajá (PSD-TO), destacou como prioridade o programa de habitação popular Casa Verde Amarela. Irajá incluiu a prorrogação da desoneração da folha de pagamento em 2021.

O senador também incluiu um dispositivo no texto para dar mais rapidez à execução das emendas parlamentares impositivas no Orçamento da União. O texto reduz de 90 para 45 dias o prazo para o Executivo publicar os procedimentos e o cronograma de execução das emendas individuais.

(*) Com informações da Agência Brasil


Fonte: Ceará Agora 

Aula presenciais na rede pública estadual devem voltar em fevereiro/21

17/12/2020

Interrompidas desde março deste ano devido à pandemia do novo coronavírus, as aulas presenciais nas escolas da rede pública do estado devem retornar a partir de fevereiro de 2021, de acordo com o governador Camilo Santana que concedeu entrevista ao Sistema Verdes Mares, na manhã desta quinta-feira (17). Mesmo com a retomada das atividades educacionais de maneira presencial, o governador ressaltou que ainda haverá o direito a aulas remotas.

Durante a entrevista, o gestor afirmou que o comitê científico do Governo do Estado tem avaliado que“outras áreas são mais preocupantes que a própria escola” e que, no momento, se nota que o aumento no número de casos tem se relacionado mais diretamente a aglomerações em festas e eventos que, como destacou o governador, tem sido restringidos neste fim de ano.

“Vamos voltar a partir de fevereiro, mas garantindo que tenhamos aulas presenciais e aulas remotas. O decreto hoje autoriza todas as escolas, não só as privadas. Caberá também a cada prefeito, a cada município, fazer o seu planejamento”, disse Camilo.

Fonte: Ceará Agora 

Aplicativos


 Locutor Ao vivo


Leudo Batista

Manhã 106

Peça Sua Música

Nome:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

top1
1. Priscilla Alcantara

Me Refez

top2
2. Gabriela Rocha

Lugar Secreto

top3
3. Davi Sacer

Tua Graça me Basta

top4
4. Anderson Freire

Acalma o meu coração

top5
5. Aline Barros

Ressuscita-me


Anunciantes